Apartamento - Botucatu/SP

Cód do leilão: 133/2023/143
103,610m² m²
2 quartos
Botucatu - SP
1 vaga de garagem
  • Data Única

    Abertura: 25/07/2024

    Fechamento: 20/08/2024

    R$20.456,39
Avise-me sobre a abertura
Descrição: Apartamento nº:408 - Rua Orlando Gamito nº: 171, Vila Cidade Jardim- Botucatu/SP

Informações

  • Avaliação: R$ 182.040,98
  • Lance Mínimo: R$ 20.456,39
  • Incremento: R$ 3.000,00
  • Comissão do Leiloeiro: 5%
  • Lance Atual + Comissão: R$21.479,21
Sala de Disputa
00 dias
00 horas
00 min
00 seg

Informações

  • Número do Processo:  10079873720178260079
  • Comarca:  Foro de Botucatu
  • Comitente:  Tribunal de Justiça de São Paulo
  • Vara:  1ª Vara Cível
  • Autor:  CONDOMINIO PARQUE BRAGA
  • Réu:  LUCAS DA SILVA RODRIGUES
  • Leiloeiro:  Tiago Tessler

Direitos aquisitivos que o executado possui sobre a futura unidade autônoma, denominada apartamento 408, no 3º andar ou 4º pavimento, do Bloco 3, correspondendo-lhe a vaga de garagem nº 96 (descoberta livre), do empreendimento que tomará a denominação de Parque Braga, com frente para a rua Orlando gamito, nº 171, 1º subdistrito de Botucatu/SP, com 02 (dois) dormitórios, banheiro, hall de circulação, sala, cozinha, área de serviço, e terá área real total de 103,610m², sendo 46,350m² de área real privativa coberta; 12,000m² de área real de estacionamento de divisão não proporcional; 45,260m² de área real de uso comum de divisão proporcional; correspondendo-lhe ainda uma fração ideal no terreno e nas coisas de uso comum de 0,1548709%, confronta em sua integralidade, considerando quem de dentro do apartamento olha para o hall, pela frente com hall social e apartamento final "6" do andar, lado direito e fundo com áreas comuns do condomínio e lado esquerdo com apartamento de final "7" do andar.

OBSERVAÇÕES SOBRE O LOTE:

MATRÍCULA Nº:  51.875, do 2º CRI de Botucatu.


CADASTRO IMOBILIÁRIO:  07.0239.0096.

 

DÉBITOS DA AÇÃO:  R$30.102,64 (trinta mil, cento e dois reais e sessenta e quatro centavos) (outubro/2022).

 

DÉBITOS PENDENTES: Débitos inscritos em dívida ativa relativos aos exercícios de 2016 a 2023, bem como, débitos de IPTU relativos ao exercício de 2024, no valor total de R$7.233,01 (sete mil, duzentos e trinta e três reais e um centavo).


1.Os valores de proposta ou lance vencedor, ficará sujeito a reajuste no auto de arrematação de acordo com a atualização da tabela do Tribunal de Justiça de São Paulo no encerramento do leilão, para que o preço não seja considerado vil. (art. 891 CPC).

2.Eventual necessidade de regularização documental/construção junto aos órgãos competentes será de responsabilidade do Arrematante.

3. A descrição comercial do lote não se confunde com a descrição técnica do edital. Em caso de divergência, prevalecerá o descrito e publicado em edital.

4. Eventuais Débitos de IPTU/ITR que recaiam sobre o Imóvel serão atualizados e quitados com o produto da venda, mediante solicitação expressa do Arrematante ao MM Juízo da Causa.

5.Cabe ao interessado pesquisar e confirmar diretamente nos órgãos competentes. 

6. Nos leilões, o procedimento do pós arrematação, deve ser realizado pelo arrematante junto ao seu procurador/advogado, diretamente nos autos do processo, uma vez que o Leiloeiro é auxiliar da justiça e está impedido de atuar nessa esfera devido ao conflito de interesses a ser gerado.

Visitação: Mediante disponibilidade de agendamento através do email [email protected]


Formas e condições de pagamento: Consulte o Edital

Aquele que tentar fraudar a arrematação, além da reparação do dano na esfera cível - arts. 186 e 927 do Código Civil - ficará sujeito às penalidades do artigo 358 do Código Penal: Art. 358 - Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena - detenção, de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

1492

Quer ficar por dentro das melhores ofertas de leilão

Cadastre-se na newsletter da Web agora mesmo!